Site Autarquico de Vila do Bispo

Início |sexta-feira, 28 de abril de 2017 | Mapa do Site | Adicionar aos favoritos |
-a +A
Mapa do Concelho

PUBLICAÇÔES

Iniciativas

Planos Municipaisfestival de Observação de AvesComissão de Proteção de Crianças e JovensVila do Bispo Arqueológica | Terra de DescobertasProteção CivilApresentação do Programa Polis Litoral Sodoeste Vila do BispoSistema de Gestão da QualidadeDescubriter

São Vicente Homenageado em Sagres

São Vicente Homenageado em Sagres

22/01/2017

No âmbito das comemorações do Feriado Municipal, no próximo dia 22 de janeiro, pelas 15h30, vai ser inaugurado um monumento em honra a S. Vicente, no Farol do Cabo de São Vicente, em Sagres, da autoria do finlandês Richard Grahne.

As honras de descerramento da placa cabe ao presidente da Câmara Municipal de Vila do Bispo, Adelino Soares, e a bênção da mesma ao Bispo do Algarve, D. Manuel Quintas.

Interessado em chamar a atenção para a importância dessa grande figura, o artista concebeu uma estátua de arte contemporânea para colocar no emblemático Cabo de São Vicente, um dos locais de visita mais importantes do nosso concelho e o único rochedo no Planeta com a designação desse santo.

Richard Grahne é um grande admirador do nosso território, particularmente no que diz respeito às antigas histórias e enigmas relacionados com São Vicente. Nesse sentido, tem investigado o culto deste antigo mártir da Igreja hispânica e publicou um trabalho acerca deste tema.

Recorde-se que São Vicente, mártir da Igreja Cristã, é o padroeiro de Vila do Bispo e das Dioceses do Algarve e Lisboa.

Em 304 foi martirizado durante a perseguição de Diocleciano, Imperador de Roma. Foi sepultado em Valência (Espanha).

No ano de 779 o seu corpo foi trasladado para este lugar, que tomou o nome de Cabo de São Vicente. Aqui foi construída uma Capela para guardar as relíquias, a qual se tornou lugar de peregrinação.

Em 1173 o 1.º Rei de Portugal, D. Afonso Henriques mandou levar grande parte dos restos mortais de São Vicente para Lisboa, permanecendo aqui apenas algumas relíquias.

Em 1516 foi fundado o Convento de S. Vicente do Cabo, de religiosos Franciscanos, que até 1834 acenderam fogueiras para orientação dos navios.

No ano 1846 após a extinção das Ordens Religiosas, no local do convento foi construído este Farol.

 

 

Portal do Munícipe

Newsletter

Multimédia